Nascido em Pará de Minas, a 28 de maio de 1917, Wilson de Melo Guimarães foi um notório advogado dotado de uma inteligência fora do comum, que o levou a galgar cargos públicos importantíssimos. Sua data de nascimento curiosamente coincidiu nos dias das aparições de Nossa Senhora, em Fátima/Portugal. Tinha verdadeira adoração pela terra natal. Solteiro, faleceu em Belo Horizonte em 30 de novembro de 1981, aos 64 anos, sendo velado na Assembléia Legislativa e depois no plenário da Câmara Municipal de Pará de Minas.
Seu pai foi Francisco de Melo Guimarães, conhecido pela inteligência e austeridade, e sua mãe, Jesuína de Almeida Guimarães. Da numerosa família de onze filhos, ele era o 8º. Seu avô materno era o Coronel Francisco Torquato de Almeida, comerciante e Presidente da Câmara. Seu avô paterno foi José da Costa Guimarães Sobrinho, advogado que também exerceu a presidência da Câmara. Era sobrinho do líder político Coronel Torquato de Almeida.
Estudou no Grupo Escolar Torquato de Almeida, onde fez o primário, e o ginasial no Colégio Arnaldo, em Belo Horizonte. Em 1943, graduou-se bacharel em Direito pela Universidade Federal de Minas Gerais. No ano seguinte, estabeleceu-se em Pará de Minas, iniciando a sua vitoriosa carreira jurídica. Devido ao seu vasto conhecimento e comunicação, tornou-se um criminalista de grande sucesso em toda região Centro-Oeste. Fazia parte do quadro jurídico do INPS – Instituto Nacional de Previdência Social. Foi exímio professor do tradicional Ginásio São Francisco, durante anos.
De 1948 a 1951, exerceu o cargo de vereador na Câmara Municipal de Pará de Minas. Sua carreira política deu um salto extraordinário, quando se elegeu deputado estadual em 1955, conseguindo logo a sua reeleição. Seu mandado foi até 1963, tendo sido líder do governo Bias Fortes na Assembléia Legislativa. Foi à Europa em missão de estudos como deputado estadual.
Em Pará de Minas, presidiu o Centro Literário Pedro Nestor e o Paraense Esporte Clube. Seu nome perpetua na cidade através da Escola Estadual Professor Wilson de Melo Guimarães.

Fonte: JORNAL “EDUCAÇÃO” – Órgão Informativo da Secretaria da Educação da Prefeitura de Pará de Minas. Setembro 1999 – Ano 2 – Nº 2.